quarta-feira, 8 de abril de 2009



Andas-te silenciosamente com medo . Quando olhas-te pra trás já estavas sozinha, já não tinhas a luz para te guiar . Mas, hey menina, tem calma. Tu consegues ! E lá andava ela em busca da felicidade, em busca do seu amor. Estava com vontade de encontrá-lo e dizer-lhe : " Sente-me, beija-me, ama-me ". Não, não podia. Ó, não podia mesmo ! Quando ela falava nele, os seus olhos brilhavam intensamente ; quando pensava nele, os seus olhos enchiam- se de lágrimas de saudade.
Em que estaria ela a pensar para os seus olhos brilharem tanto?
Porque quando se escreve sobre o amor, não se escreve por escrever escreve-se por sentir.

6 comentários:

  1. escreve-se por se saber amar. baby lindo *.*

    ResponderEliminar
  2. «Porque quando se escreve sobre o amor, não se escreve por escrever escreve-se por sentir.»
    :')

    ResponderEliminar
  3. ola...

    mudei de blogue...espero q vas visitar!

    beijinho

    http://cantinhodaestrelinha.blogs.sapo.pt/

    ResponderEliminar